Compactação de Vídeo

Como incorporar vídeos em e-mails do Outlook

Clipchamp é um editor de vídeo online gratuitoExperimente grátis
Compartilhe este post

Última atualização: 14 de outubro de 2019

Como você já deve saber, o aplicativo Microsoft Outlook (versões 2007, 2010, 2013 e superiores) não aceita a incorporação de vídeos em e-mails.

Assim como muitos outros provedores, a Microsoft decidiu deixar de oferecer suporte a vídeos em e-mails devido ao aumento do número de vírus e códigos maliciosos encontrados nesse tipo de arquivo. No entanto, incluir conteúdo de vídeo em e-mails de marketing é uma ótima ideia, já que o vídeo é uma ferramenta digital poderosa.

Por sorte, ainda é possível incorporar vídeos no Outlook Live e também existem alguns jeitinhos simples de se fazer isso no aplicativo para computadores. Eis o que abordaremos:

  1. Incorporar vídeos em e-mails do Outlook Live

  2. Incorporar vídeos em e-mails do Outlook por meio da vinculação a uma imagem

  3. Adicionar vídeos a e-mails do Outlook como anexos

  4. Incorporar vídeos em e-mails do Outlook usando HTML5

1. Incorporar vídeos em e-mails do Outlook Live

Se estiver usando a versão online do Outlook em vez do aplicativo para computador, é muito fácil incorporar um vídeo:

1o passo: acesse o YouTube e copie o link do vídeo que gostaria de compartilhar. Se quiser usar um vídeo criado por você, primeiro faça a otimização do arquivo para o YouTube e carregue-o no site.

2o passo: em seguida, crie uma nova mensagem e cole o link no corpo do e-mail. Você verá uma prévia do pop-up de vídeo abaixo do link:

Video preview on Outlook Live

3o passo: agora, você pode excluir o link e escrever a mensagem. A prévia continuará sendo exibida:

Delete video URL

4o passo: quando o e-mail for enviado, o destinatário poderá clicar na prévia e assistir ao vídeo sem precisar abrir uma nova janela:

Watch video on Outlook

No aplicativo Outlook para celular, o vídeo será aberto no aplicativo do YouTube.

Editor de vídeo no navegador .

Eternamente grátis. Crie vídeos profissionais em poucos minutos.

2. Incorporar vídeos em e-mails do Outlook por meio da vinculação a uma imagem

No aplicativo Outlook para computador, colar o link do YouTube não funciona. No entanto, conforme este artigo, é possível incorporar vídeos do YouTube em e-mails do Outlook da seguinte forma:

1o passo: faça uma captura de tela do vídeo e incorpore a imagem no corpo do e-mail.

2o passo: vincule essa imagem ao vídeo hospedado no YouTube (confira abaixo uma dica para carregar vídeos no YouTube mais rápido).

3o passo: quando clicar na foto, o destinatário poderá abrir o vídeo em uma nova janela do navegador para visualizá-lo.

Link to a picture

Também é possível adicionar um botão de reprodução no centro da imagem usando o Photoshop ou outro programa similar para deixar mais claro que o destinatário deve clicar no vídeo.

Recomendamos vincular a um vídeo hospedado no YouTube, pois dessa forma é mais provável que o Outlook permita a exibição automática da imagem do que se o vídeo estiver em outros sites. Lembre-se também que, para melhorar a experiência do usuário, o e-mail deve oferecer uma leitura agradável.

Também é bom usar um CTA como seu atributo ALT na tag da imagem caso os destinatários tenham desativado as imagens nos e-mails. No caso de e-mail de marketing para B2B, adicionar vídeos também é um jeito ótimo de chamar atenção para a mensagem.

3. Adicionar vídeos a e-mails do Outlook como anexos

Também é possível adicionar vídeos a e-mails do Outlook como anexos. Nesse caso, o problema pode ser a restrição de tamanho de anexo do Outlook (máximo de 20 MB), pois alguns arquivos de vídeo são grandes demais para serem enviados dessa forma.

A solução, que funciona para vários arquivos de vídeo, é compactá-los antes de adicioná-los ao e-mail. Assim, é possível que o vídeo seja reduzido a menos de 20 MB.

Com o compactador de vídeos online gratuito e o conversor de vídeos onlinedo Clipchamp, você pode compactar e converter arquivos de vídeo para MP4 e anexá-los a e-mails do Outlook.

Attach video to email

Depois de fazer login no app pelo navegador (é possível criar uma conta gratuita e processar até 5 vídeos gratuitamente por mês), basta selecionar o vídeo e escolher a opção de otimizar para dispositivos móveis, MP4, qualidade média ou baixa e resolução de 240p, 360p ou 480p na tela. Assim, é possível otimizar o arquivo e compactar o vídeo o suficiente para incorporá-lo como anexo ao e-mail.

Optimize for mobile on Clipchamp

Quando o processo terminar, você verá o tamanho de arquivo do vídeo resultante na tela "Save & Share" do Clipchamp. Se o vídeo continuar grande demais, você pode experimentar outro conjunto de configurações de compactação. Para isso, clique em "Compress another file" sem salvar o primeiro vídeo.

Se o tamanho do vídeo for pequeno o suficiente, salve-o no computador e depois anexe-o ao e-mail como faria com qualquer outro arquivo. Dessa forma, os destinatários do e-mail podem abrir o vídeo e assistir diretamente.

Successful compression

Com o conversor de MP4 online gratuito do Clipchamp, que faz parte do processo de compactação, seus vídeos podem ser reproduzidos em qualquer dispositivo atual, como computador, tablet ou smartphone.

Vale lembrar que alguns vídeos, principalmente aqueles com resoluções mais altas, maior taxa de quadros e maior duração, podem ser grandes demais para ficar com menos de 20 MB.

Para colocar um vídeo desse tipo no e-mail, recomendamos carregá-lo no YouTube e depois incluir um link para o vídeo no e-mail, conforme a explicação no item 1 acima. No entanto, mesmo no caso dos vídeos adicionados dessa forma, a compactação ajuda, já que é bem mais rápido carregar vídeos menores no YouTube.

4. Incorporar vídeos em e-mails do Outlook usando HTML5

Quem entende de HTML5 pode adicionar um código ao e-mail para incorporar o vídeo com uma imagem de prévia de sua escolha. Certifique-se de adicionar o código corretamente para evitar o erro [pii_email_a4afd22dca99c2593bff].

Basta analisar o código e substituir os títulos, vídeos e imagens predefinidos. Por exemplo, no conjunto de tags a seguir, seria necessário atualizar o texto entre as tags de título de acordo com o conteúdo do e-mail:

<!doctype html> <html> <head> <title>Teste de vídeo no e-mail</title>

O código necessário varia de acordo com o dispositivo e o servidor de e-mails. Também existem códigos de failback caso os servidores de e-mails ou dispositivos dos destinatários não permitam a incorporação de HTML5. Se tiver algum problema, veja mais informações neste artigo.

Mais do blog Clipchamp

Transferindo vídeos do seu celular e para o Clipchamp

November 6, 2020
Alguns dos nossos usuários nos perguntaram como converter ou comprimir vídeos que…

Como o vídeo aumenta a taxa de conversão do eCommerce

June 7, 2020
**** atualizado em 28 de maio de 2020 **** Quer você seja um pequeno comerciante…

Como incorporar vídeo no Word Versões 2007 - 2016

March 7, 2020
Quer você seja um profissional tentando dar mais destaque ao seu portfolio ou um…

Comece a criar vídeos gratuitos com o Clipchamp