Marketing de vídeo

Principais ingredientes dos vídeos de vendas que funcionam

Clipchamp é um editor de vídeo online gratuitoExperimente grátis
Compartilhe este post

Fez um vídeo de vendas para as redes sociais, mas não conseguiu os resultados esperados? Com certeza faltou um bom roteiro e algumas outras considerações de marketing. 

Vamos ver como você pode criar anúncios de vendas eficazes e revisar sua estratégia de marketing de vídeo para aumentar o retorno sobre o investimento!

Woman making sales video with a video script

Será que você realmente precisa de uma estratégia de marketing de vídeo?

Confira o que os números dizem.

Desde 2015, o vídeo continua ganhando importância como ferramenta de marketing e vendas. Hoje em dia, os anunciantes que usam vídeo aumentam sua receita 49% mais rápido do que os que não usam. Estamos quase em 2023, quando o e-commerce de varejo deve chegar à marca de US$ 6,5 trilhões, tornando o vídeo ainda mais importante.

State of video marketing survey

Em 2021, 93% dos anunciantes que usaram vídeo consideraram essa opção importante para sua estratégia de marketing, em comparação com 78% em 2015.

87% dos anunciantes que usam vídeo disseram que o retorno sobre o investimento foi positivo, mais de 50 pontos acima dos 33% que deram a mesma resposta em 2015. Além disso, de acordo com a Cisco, os vídeos foram responsáveis por 82% do tráfego na internet em 2021.

Não investir em marketing de vídeo hoje em dia pode ser uma oportunidade perdida, então comece a criar sua estratégia!

Primeiro passo: entenda o seu público

Um vídeo só pode ser bom se tiver uma boa mensagem, mas como contar uma história que gere identificação? Conhecendo bem o público. Ou seja, definindo um perfil.

Vá além da demografia: use dados comportamentais e psicográficos

Os profissionais de marketing usam tanto esse termo que já perdeu o significado para você? 

Normalmente, a recomendação é saber onde o seu público mora, além da idade, o gênero e a renda. No entanto, para conhecer bem o público, é preciso ir além da demografia básica.

Responder a estas perguntas pode colocar você no caminho certo.

  • Quais são os problemas do público-alvo?

  • Quais são os objetivos do público-alvo?

  • Quais são os desafios do público-alvo?

  • O que motiva ou provoca a resposta do público-alvo?

  • O que o público-alvo quer ouvir, ver ou sentir?

Por que funciona

Veja por que entender e criar o perfil do seu público com base em dados psicográficos e comportamentais funciona:

  • Compreender os problemas profundos do seu público ajuda a aumentar o nível da sua mensagem.

  • Saber a motivação do público ajuda a criar ofertas irresistíveis.

  • Criar um vídeo com a linguagem que o público usa no dia a dia gera identificação com a mensagem.

  • Entender os desafios que o público enfrenta ajuda a eliminar atritos no caminho da conversão.

  • Conhecer os objetivos do público ajuda a abordar possíveis objeções.

Chame atenção com um começo ousado

Para conseguir concretizar vendas com um vídeo, primeiro você precisa chamar atenção. O problema é que, infelizmente, você terá menos de 12 segundos para isso. Uma pesquisa constatou que o tempo médio de atenção humano atual é de oito segundos, em comparação com 12 segundos em 2000.

Então, aproveite ao máximo os primeiros oito segundos.

Apresente-se de forma clara e rápida e conte qual é a finalidade do vídeo. Transmita as mensagens mais importantes logo de cara. Use cenas divertidas, trilha sonora e humor para envolver o público.

Exemplo de vídeo: Dollar Shave Club 

Mike, fundador do Dollar Shave Club, começa com uma apresentação de três segundos e transmite sua mensagem em 15 segundos.

O vídeo gerou mais de 12 mil novos pedidos dentro de 48 horas do lançamento.  Também conseguiu números de engajamento impressionantes: 27,3 milhões de visualizações, 140 mil curtidas e 9 mil comentários.

Video example: Dollar Shave Club comments

Por que o começo ousado funciona

Veja por que começar com tudo sempre funciona:

  • Isso ajuda a chamar atenção do público.

  • Apenas cerca de 46% do público assiste a vídeos até o fim, então é melhor fazer os primeiros segundos valerem a pena.

  • Quando as pessoas recebem a mensagem principal logo no início, é mais provável que assistam ao vídeo até o final.

  • A maioria das pessoas pula os anúncios, incluindo anúncios em vídeo. Por isso, o engajamento logo nos primeiros dez segundos é essencial.

Alinhe-se com a intenção do público

Cerca de 78% dos clientes dizem que não se sentem compreendidos pelas marcas. Fique em sintonia com o público, alinhando a sua mensagem à intenção deles.

Para se alinhar à intenção do público, é preciso entender seus problemas e vontades. Por exemplo, uma pessoa que assiste ao seu vídeo pode estar tentando entrar na faculdade, escolher uma solução de hospedagem de site ou entender um tema complexo, como aprendizado de máquina.

Fale sobre esse problema em uma linguagem que o público entenda, com foco claro nos problemas e desejos mais importantes.

Exemplo de vídeo: Old Spice 

Use gatilhos emocionais que abordem o problema específico (por exemplo, "economizar" caso o público queira gastar menos dinheiro) e destaque como o seu produto ou serviço pode ajudar a resolver essa questão.

Descubra o que o público considera útil e comunique isso de forma interessante e que crie conexões emocionais.

Confira um exemplo clássico da Old Spice, uma fabricante de sabonetes.

Este vídeo de 32 segundos gerou mais de 59 milhões de visualizações, 27 mil comentários e cerca de 232 mil curtidas.

Old Spice Youtube comments

A campanha acabou se tornando a mais popular e de maior crescimento da história. Dentro de uma semana do lançamento:

  • Na sequência, o Twitter da marca cresceu 2.700%

  • As interações dos fãs aumentaram 800%

  • O tráfego no site subiu 300%

  • As vendas do sabonete Old Spice duplicaram em 107%

Por que se concentrar na intenção do seu público funciona

Prestar atenção no que o seu público está tentando comunicar ou alcançar compensa pelos seguintes motivos:

  • O público sente que a marca entende suas necessidades.

  • Dessa forma, é mais fácil se identificar com a mensagem.

  • Usar gatilhos emocionais que abordem problemas específicos produz respostas emocionais e aumenta as vendas.

Demonstre credibilidade

Chamar atenção com um início ousado e se alinhar à intenção do público são dicas excelentes, mas não bastam para fazer os clientes em potencial comprarem o SEU produto. Eles querem credibilidade.

Um terço dos consumidores norte-americanos afirma que confiar em uma marca é importante porque não podem se dar ao luxo de gastar dinheiro com compras ruins.

Cerca de 82% dizem que continuam comprando de marcas de confiança, mesmo se aparecer outra marca mais nova e moderna. E 76% admitem que recomendariam essas marcas.

Como aumentar a credibilidade dos seus vídeos de marketing

Seu vídeo deve responder à pergunta que com certeza está na cabeça dos clientes em potencial: “por que devo comprar de vocês?”

Pode ser uma breve apresentação, como no vídeo da Dollar Shave Club, mostrando números de clientes ativos, depoimentos de clientes e recomendações de celebridades ou da mídia.

Você também pode incluir cenas de clientes felizes usando o produto.

Se precisar de inspiração, confira este gráfico.

Important reasons why consumer trusts brands

Crédito: Marketingcharts.com

Veja como a ClickUp faz isso no final deste vídeo de 1:27 segundos.

Por que transmitir credibilidade nos seus vídeos funciona

Não demonstrar credibilidade suficiente pode ser um fator decisivo para alguns clientes. Veja por que esse princípio é tão relevante:

  • Demonstrar credibilidade ajuda a reforçar a autoridade da marca.

  • Essa estratégia pode ajudar a reduzir as objeções dos clientes.

  • Uma pesquisa da Stanley Milgram constatou que as pessoas obedecem e confiam em figuras de autoridade.

  • É mais provável que os clientes comprem quando sabem que outras pessoas também estão usando seus produtos ou serviços.

Use a aversão à perda como estratégia ganhadora

Os humanos evitam perdas. Uma pessoa típica prefere não perder a ganhar um valor equivalente. Na psicologia, isso é conhecido como princípio da aversão à perda.

Como aproveitar a aversão à perda

Um estudo rápido de marcas de e-commerce bem-sucedidas demonstra que a maioria das marcas utiliza esse princípio para impulsionar as vendas

Por exemplo, a Dollar Shave Club coloca os compradores no comando: a empresa oferece garantia de devolução do dinheiro de 30 dias, sem taxas ocultas, e liberdade para cancelar a assinatura a qualquer momento.

Putting loss aversion to work

Além disso, também oferece frete grátis.

Replicar esse princípio no marketing de vídeo pode permitir um sucesso semelhante. Você pode oferecer:

  • Uma garantia de devolução do dinheiro por 30 dias

  • Política de devolução fácil

  • Cancelamento fácil

  • Avaliações gratuitas

Ou diga o que eles perderiam em vez de dizer o que ganhariam.

Por que a aversão à perda funciona

A função desse princípio no seu roteiro é reforçar que o uso do produto é seguro. Veja por que isso funciona:

  • Os clientes têm aversão à perda: eles preferem não perder US$1 a ganhar US$1.

  • Dois terços dos consumidores conferem a política de devolução antes de comprar, e 92% deles dizem que voltam a comprar quando esse processo é simples.

  • A garantia de devolução do dinheiro deixa o cliente mais confiante em comprar.

  • Oferecer "avaliações gratuitas" ajuda as marcas de B2B a aumentar a conversão em 66%.

Use o princípio da escassez

Além de ter aversão à perda, os consumidores também detestam perder boas ofertas.

Incluir descontos por tempo limitado ou oferecer edições limitadas no roteiro do seu vídeo pode ajudar a aproveitar esse desejo primitivo. Cerca de 48% dos millennials já gastaram mais do que podiam para acompanhar os amigos, e 60% das pessoas fazem compras por medo de ficar de fora.

Essas estatísticas indicam a relevância desse princípio para o marketing moderno.

Como as marcas aproveitam o princípio da escassez

A maioria das marcas de e-commerce aproveita esse medo de ficar de fora para impulsionar ações imediatas no local, aumentar o tráfego de retorno e fidelizar os clientes. Por exemplo, a LuckyVitamin oferece grandes descontos por tempo limitado nas compras de suplementos de minerais e vitaminas.

How brands apply the scarcity principle

Os dados de estimativa de tráfego da SimilarWeb demonstram que cerca de 1,28 milhões de pessoas acessaram o site no mês passado.

SimilarWeb traffic estimation data

Os dados de tráfego mostram que cerca de 37,8% das visitas foram diretas, provavelmente de clientes voltando. É claro que os motivos desses retornos podem ser vários, mas com certeza as ofertas por tempo limitado da LuckyVitamin são um fator importante.

O princípio da escassez também funciona muito bem para o marketing de vídeo.

Por que o princípio da escassez funciona

Veja por que esse princípio funciona:

  • Os consumidores têm o desejo primitivo de economizar nas compras.

  • Nos Estados Unidos, cerca de 71% dos consumidores procuram descontos antes de comprar.

  • A Shopify descobriu que os comerciantes com códigos de desconto ativos têm oito vezes mais probabilidade de fechar vendas.

Impulsione a ação com um CTA empolgante

Call to action

Crédito da imagem: Sean MacEntee via Flickr

O CTA faz com que a mensagem de marketing impulsione a ação. 

É a porta de entrada para as ações do consumidor. O CTA orienta o público para a próxima etapa em direção à conversão. A Kissmetrics constatou que usar um CTA nos vídeos gera 380% mais cliques do que os CTAs na barra lateral.

Acrescente um CTA empolgante ao roteiro para impulsionar a ação pretendida do seu público.

Tanto a mensagem de marketing quanto o CTA devem estar alinhados à intenção do público. Use gatilhos emocionais acionáveis que abordem problemas específicos no CTA. Assim, você agrega valor.

Evite usar CTAs genéricos, como Economize 40% agora, pois o público pode achar que você só quer vender. Veja alguns exemplos de marcas reais:

  • Crazy Egg: Quero ver meu mapa de calor

  • Manpack: Montar um Manpack

  • My Perfect Resume: Criar meu CV

O CTA sempre deve:

  • Ser acionável 

  • Agregar valor

  • Funcionar como gatilho emocional

  • Demonstrar urgência

  • Abordar o problema

Mantenha o vídeo curto

Vídeos longos não funcionam, então mantenha o roteiro curto.

Chame atenção logo no começo, colocando as informações mais importantes no início. Se você conseguir contar uma história interessante entre 31 e 60 segundos, melhor. Nunca passe de 2 minutos e meio.

O HubSpot concluiu que a duração ideal para vídeos de vendas está entre 26 segundos e dois minutos, dependendo do canal. 

Os vídeos curtos funcionam porque:

  • Com um intervalo de atenção cada vez menor, é pouco provável que as pessoas assistam a vídeos longos até o final.

  • Os vídeos de dois minutos geram mais interações.

Cerca de 95% dos consumidores acreditam que os vídeos devem ter menos de dois minutos.

E agora, qual é o próximo passo?

Confira 12 dicas práticas para começar imediatamente:

  1. Comece com um resumo do vídeo, definindo a finalidade, o público e a ação que você quer promover.

  2. Chame atenção com um início ousado — envolva o público nos primeiros dez segundos.

  3. Alinhe sua mensagem à intenção do público e transforme o anúncio em história.

  4. Fale uma linguagem que o público entenda.

  5. Não use apenas palavras, mas também efeitos sonoros, gráficos em movimento e até momentos de silêncio para melhorar a história.

  6. Mantenha o vídeo curto e agradável.

  7. Demonstre a credibilidade da marca para conquistar o público.

  8. Aproveite a aversão à perda, o desejo primitivo dos humanos de evitar perdas.

  9. Apele ao medo de ficar de fora que as pessoas sentem e impulsione ações.

  10. Leve os clientes à conversão com um CTA convincente.

  11. Leia o roteiro várias vezes até que o texto fique natural.

  12. Revise e ajuste o roteiro até o conteúdo ficar do jeito que você imagina

Não sabe editar vídeos? Tudo bem. Crie um anúncio de vídeo para Facebook, Instagram ou qualquer tipo de vídeo em poucos minutos com o editor de vídeo online fácil de usar do Clipchamp. Comece de graça

Mais do blog Clipchamp

Como usar o recurso Collab do Instagram

1 de março de 2022
É hora de celebrar! Seja para criadores de conteúdo ou proprietários de empresas…

10 ideias para celebrar o Dia Internacional da Mulher

21 de fevereiro de 2022
Em busca de eventos no local de trabalho e ideias para comemorar o Dia Internacional…

8 ideias divertidas de vídeos para o St. Patrick’s Day

31 de janeiro de 2022
O St. Patrick’s Day finalmente chegou! Não importa se a comemoração será em um bar…

Comece a criar vídeos gratuitos com o Clipchamp

It looks like your preferred language is English